Biografia da Autora

Camila Passatuto nasceu em 1988, na cidade de São Paulo. Autora do livro "TW: Para ler com a cabeça entre o poste e a calçada" (Editora Penalux, 2017). Escreve desde os 11 anos e começou atuar nos meios digitais, com blogs e participações em revistas digitais, em 2007. Alguns trabalhos e participações: 2010, e-book “Apenas o Necessário”, co-autora da Antologia de micro contos reunidos pela Poesis, em parceria com a ETC Bienal, Fundação Volkswagen e Governo do Estado de São Paulo; 2012, Antologia “Nossa história, nossos autores (Editora Scortecci); 2013, escritora exposta na mostra de Twiteratura no Sesc Santo Amaro.

domingo, 22 de abril de 2012

Túmulo de ontem (branco ou versado)


A folhagem que cobre o corpo,
Respeita cor amarelada
Envergonha os pastores...
É relva que se recolhe precipitada.

Seu riso nulo
Em tempo concreto
Versa medonho
Soluços de menino.

No verde dos adjuntos
Utilizo o simples
Para adormecer
Rubro penar que insiste.

A folhagem come o corpo
Menina-adubo, aqui,
Já não nasce
Mais sonhos.

E o terno amassado
Descontrola
O escrever censurado...
Pobre do poeta que chora.

E o gozo atrasado
Dorme em desalinho
Sem respeitar nossas cores
Levando contigo, de mim, os amores.

By Camila Passatuto

2 comentários:

Luana Barcelos Dantas disse...

Lindo!

Rachel Nunes disse...

Que venham novos sonhos, para adubar a realidade dos que choram.

Beijos